• Internet

    Resultados de busca personalizados

    O Google anunciou nessa quinta-feira (ontem, dia 20) uma nova feature em seu mecanismo de busca: a personalização dos resultados. A partir de agora – está sendo liberado gradualmente a todos os usuários – você vai poder dizer ao Big G se um determinado item retornado junto com os resultados de sua busca é ou não relevante, podendo alterar a ordem de resultados (priorizando um item mais relevante que outro) e até mesmo remover um item que não possua conteúdo de acordo com o que você busca. Além disso, você poderá fazer anotações em cada link retornado, para se lembrar depois de algum detalhe.

    Inicialmente, tudo o que você alterar só vale para você – para utilizar o recurso, o usuário tem que estar logado com sua conta Google, mas a empresa não descarta a possibilidade de usar, no futuro, uma combinação de filtros feitos por usuários para construção de inteligência em seu algoritmo. Isso significa que um site que é bem rankeado para determinados termos de busca, mas não possui conteúdo relevante (cof cof sites caça-para-quedistas cof cof), por ser removido por muitos usuários, pode deixar de ser exibido para outros usuários. Alguém aí­ pensou em Bolha do AdSense?

  • Internet

    O texto é patrocinado, a opinião não deve ser

    Copyleft Stock.XchngSempre que questionado sobre esse assunto, fico elocubrando várias coisas em torno do tema. Coisas que variam de “que pessoal mais chato” até “de certa forma, concordo contigo”. Quando um blog escreve um texto e avisa que ele está ali porque foi pago, desperta sempre a ira de alguns e o apoio de outros.

    Eu já levantei a bola sobre a “bolha AdSense” – que alguns entenderam (equivocadamente) como uma afirmação de que o programa de afiliados iria acabar – e sobre outras questões acerca da rentabilização dos blogs. Ultimamente tenho me envolvido em alguns caminhos, tentando abrir portas para blogs em empresas e vice-versa e isso me tem feito pensar nas possibilidades existente. Uma delas – e talvez a mais óbvia e honesta – é a questão dos artigos / resenhas patrocinadas.

  • Negócios

    A “Bolha AdSense” vai estourar

    O ProfetaDepois de fazer essa afirmação em diversos “guetos” da blogosfera (listas, Twitter, encontros pessoais, eventos), venho ao blog publicar uma concatenação de pensamentos que me levam a crer nisso e tentar expor da melhor forma, para quem é blogueiro, pretende fazer dele um negócio e viver disso, ou quem está pensando em criar um blog para ganhar dinheiro e acha que é moleza.

  • Internet,  Negócios

    Quanto vale seu site, ou, A Bolha 2.0

    Vendo um site, 2006 modelo 2007, semi-novo, único dono, movido a WordPress, tunado com os melhores plugins existentes, template personalizado e exclusivo, 1200 posts rodados e 30000 comentários, pagerank 7.

    É provável que esse tipo de anúncio acima seja corriqueiro em algum tempo. Esse aí­ de cima é fictí­cio, mas segue uma linha tendenciosa para avaliação de valores que deverão ser utilizadas (além de mais algumas coisinhas) para “cotação” de sites e blogs por aí­.

    Mas quanto vale o seu site?

    Alguns mecanismos, que considero apenas como curiosidade, surgiram para avaliar sob determinados aspectos uma url fornecida e dar valor monetário a ela. O do Business Opportunities, por exemplo, foi o primeiro que eu conheci. Ele e o do Cardoso são baseados no número de links do Technoratti apontando para tal domí­nio, isso faz com que principalmente (senão unicamente) blogs possam ser avaliados. Através do blog do Élcio, tomei conhecimento de uma outra ferramenta – o dnScoop – mais recente e mais completa, que faz a mesma avaliação só que baseada em outros quesitos como tráfego analizado no Alexa, tempo de criação do domí­nio, PageRank, links no Google, etc.