• Espada Justiceira ThunderCats
    Fun

    Espadas de filmes, séries e games na vida real

    A turma do Men At Arms trabalha normalmente criando réplicas manipuláveis de armas para filmes e séries de TV. São armas com aparência realista, porém sem poder de machucar, sem linha de corte e feitas com materiais especiais para serem leves aos atores. Armas fake.

    Porém, as armas que eles fabricam em seu canal no YouTube, de fake só tem a origem: elas não existiam de verdade, apenas no imaginário dos autores. São espadas de filmes, games, desenhos e séries. Não existiam – assim, no passado – porque agora existem de verdade, em “tamanho real” e funcionais, construídas como se fossem ser utilizadas como armas mesmo.

    A criação das armas toma como base as obras originais, muito estudo de proporção, detalhes, usabilidade da arma e materiais. Por isso, em alguns momentos é preciso alterar uma coisinha aqui outra ali, para que a arma (em sua maioria espadas) fique o mais realista possível. Foi o caso da espada de He-Man, por exemplo.

  • Freddie Mercury
    Fun

    Freddie Mercury a Capella

    A potência e afinação fantásticas de Freddie Mercury sempre foram impressionantes, até mesmo para uma época em que estávamos cercados de enormes talentos na música, especialmente no rock. Mas isso fica evidente na série de audios abaixo. São faixas de clássicos do Queen, a banda que impulsionou o mito (ou vice-versa), sem a presença de instrumentos.

    É sensacional perceber o quanto artistas desse calibre não precisavam de autotune e dezenas de interrupções durante as gravações, para produzirem material de primeiríssima qualidade. É bem provável que ainda existam talentos desse nível, mas é incrível como eles não fazem sucesso, não estão na mídia, alimentando nossa alma ao invés do lixo que persiste em martelar a mente de nossas crianças.

    Enfim, desabafos à parte, fique com o brilhante Freddie Mercury cantando sem instrumentos, nessa playlist que criei lá no YouTube. Vou tentar alimentar o canal com mais coisas legais.

    Freddie Mercury a Capella

    E viva a tecnologia que nos permite reviver isso tudo 🙂

    A dica veio lá do Whiplash.

  • Fun,  Produtos

    Um funeral digno para um nerd

    Inusitado, irreverente, criativo e bem de acordo. O Funeral de Alan, um norte-americano apaixonado por Star Trek, geek de carteirinha e fã de computadores, foi dessa forma. Após um longo tempo doente, Alan faleceu por conta do cigarro, segundo relato do irmão no Flickr. Seu corpo foi cremado e suas cinzas depositadas num SPARC Station IPC da Sun.

    Funeral de um nerd

    No velório, amigos puderam deixar seu último adeus em post-its colados no gabinete ou dentro da abertura do disquete. Todos serão plastificados e guardados junto com o “caixão”.

    A dúvida agora é sobre o destino do SPARC. As filhas de Alan gostaram tanto que não querem deixar enterrá-lo.

    Na “lápide”, as palavras que Alan falou repetidas vezes antes de morrer:

    Beam me up Scotty, I’m done here.

    (via R7)