• Internet

    Livre-se daquele anúncio que te persegue

    A história é sempre a mesma: você entra num site qualquer – digamos que seja um site que vende tênis – e olha um produto. Assim, sem pretensão de comprá-lo, você está apenas olhando modelos, ou mesmo verificando preços, comparando. Pronto. É o que basta.

    Depois desse momento você será perseguido por esse famigerado tênis. Em todo site que você acessar, até aquele site educativo, que não tem nenhuma relação com o diacho do tênis, você verá anúncios do desinfeliz. Em todos os tamanhos e formatos, alguns até bem coloridos e “animados”. Tênis em tudo que é canto.

    Se a gente já detesta aquele vendedor que, mal você entra na loja, já vem perguntando se pode ajudar, sugerindo coisas enquanto você olha outras, imagine que esse vendedor te persiga pelo shopping. Você entra na loja de discos, já vem ele te mostrando o tênis que você olhou por último: “Olha, está na promoção!”. Daí você vai fazer um lanche, ele senta na mesa e mostra de outra cor: “Se você comprar agora, te dou um desconto de 5% na compra por boleto.”.

    Tenha santa paciência!

  • Internet,  Segurança

    Falha de segurança também afeta BBOM

    Double FacepalmApós ter descoberto, por acaso, a falha de segurança no site da TelexFree, que faz com que os dados de seus divulgadores/compradores/consumidores sejam expostos na Internet, eu decidi fazer algumas pesquisas para ver se outras empresas são afetadas. E a resposta não é nenhuma surpresa. Sim, outras empresas suspeitas de práticas de pirâmide financeira também apresentam a mesma falha descoberta no site da TelexFree ontem.

    A bola da vez é a BBOM, que também utiliza o boleto bancário do Banco do Brasil, mas não consegui descobrir se usam o mesmo script gratuito que é utilizado pela TelexFree (que por sinal tem falha conhecida que permitiria ataques de SQL Injection).

    Apesar de terem sido um pouco mais precavidos, o site não evitou que os dados pessoais de seus clientes/divulgadores fossem parar no Google e ficassem disponíveis para quem quisesse olhar / guardar / associar seu nome.

  • Internet,  Segurança

    Falha no site da TelexFree expõe dados de compradores

    Piramide FAILO que uma empresa tem de mais valioso é sua base de clientes e consumidores. No caso de uma empresa que trabalha com venda direta e diz trabalhar com multi-níveis, essa base é ainda mais preciosa e seus dados devem ser tratados sempre com o maior cuidado possível.

    Se tratando de uma empresa com atividades ainda duvidosas – cof cof pirâmide financeira cof cof – tais dados são extremamente sensíveis, tendo em vista que muita gente não gostaria de ter seu nome associado às atividades da empresa e pior ainda, revelados a quem quer que seja.

    Pois bem, fazendo uma busca sobre as atividades da empresa no Google – pois fiquei sabendo da recente mudança para S/A e queria checar – eu esbarrei em algumas páginas e não consegui acreditar. Não que os dados apresentados sejam extremamente relevantes ou absurdamente secretos, mas pela simplicidade que seria evitar que isso ficasse exposto. Me lembrou imediatamente que a empresa, dias atrás, teve um recurso não julgado por ausência do pagamento da taxa de R$ 40,00, evidenciando a falta de preparo para coisas simples – o que diremos sobre coisas importantes como a sustentabilidade do negócio.

  • Segurança

    Iphone 5, Smart Tv Led 47, Galaxy S4 e S3 – Tudo com preços Imperdíveis

    Preços imperdíveis e mentirosos, claro. Essa mensagem chega em seu e-mail simulando um e-mail marketing da Americanas.com, empresa do Grupo B2W que envia vários e-mails durante a semana (muitas vezes, 2 por dia). Por conta disso, é muito fácil se confundir e clicar displicentemente nessa armadilha.

    O e-mail em questão não te leva para o download de um trojan ou outro malware ladrão de bancos. Esse utiliza o elo mais fraco da corrente: o usuário. Em uma página que simula o site da Americanas.com, são apresentados os produtos – com os dados e especificações reais – e seus preços fantasiosos. Ao clicar em comprar, o usuário é direcionado para uma página onde precisa inserir seus dados pessoais, endereço, CPF, número de cartão de crédito, tudo. Tudo que o pilantra precisa para fazer compras via Internet com o SEU cartão.

    Scam Americanas iPhone 5

    Seu iPhone nunca vai chegar, meu amigo, mas aquela fatura com compras que você não fez, certamente baterá em sua porta mais rápido que o tempo que leva para você se dar conta.

    Como se proteger em casos assim?

    1. Sempre, mas SEMPRE mesmo, desconfie de ofertas maravilhosas, seja para ganhar dinheiro fácil na web ou comprar coisas com incríveis descontos, que você não encontra nem no xing-ling da esquina;
    2. Sempre, mas SEMPRE mesmo, confira o link antes de clicar. Nesse e-mail ficou bem óbvio que não se tratava de uma mensagem original, pois o link era um endereço de IP, ao invés de um site na Internet;
    3. Nunca, mas NUNCA mesmo, forneça seus dados pessoais em um site que não possua criptografia. Para conferir, basta checar que o endereço do site começa com HTTPS (esse S a mais é de Seguro), verificar o cadeado presente ao lado da barra de endereços ou no rodapé do seu navegador e se não está aparecendo um erro qualquer nesses dois locais;
    4. A última dica é mais óbvia mas nem todo mundo entende. O site em questão precisa aparecer PRIMEIRO no endereço. Nesse exemplo do golpe, o site que aparece primeiro no endereço (logo após o http://) é zonasegura.zapto.org – e definitivamente, apesar do nome, não é NADA segura essa zona, e muito menos pertence às Americanas.

    Mensagem original “Iphone 5, Smart Tv Led 47′, Galaxy S4 e S3 – Tudo com preços Imperdíveis”

    Scam Americanas

  • Espada Justiceira ThunderCats
    Fun

    Espadas de filmes, séries e games na vida real

    A turma do Men At Arms trabalha normalmente criando réplicas manipuláveis de armas para filmes e séries de TV. São armas com aparência realista, porém sem poder de machucar, sem linha de corte e feitas com materiais especiais para serem leves aos atores. Armas fake.

    Porém, as armas que eles fabricam em seu canal no YouTube, de fake só tem a origem: elas não existiam de verdade, apenas no imaginário dos autores. São espadas de filmes, games, desenhos e séries. Não existiam – assim, no passado – porque agora existem de verdade, em “tamanho real” e funcionais, construídas como se fossem ser utilizadas como armas mesmo.

    A criação das armas toma como base as obras originais, muito estudo de proporção, detalhes, usabilidade da arma e materiais. Por isso, em alguns momentos é preciso alterar uma coisinha aqui outra ali, para que a arma (em sua maioria espadas) fique o mais realista possível. Foi o caso da espada de He-Man, por exemplo.