Segurança

Cuidado com o resultado das suas buscas

Semana passada a McAffee divulgou seu estudo sobre os perigos de segurança na internet. A fonte de risco são os sites de busca e a grande questão são buscas por downloads, screensavers e vídeos. Em 2010, os resultados foram menos alarmantes em comparação aos anos anteriores, mas ainda há riscos, avisa Dave Marcus, pesquisador de segurança do McAffee Labs. Claro que os golpistas sofisticam suas técnicas, da mesma forma que nós, usuários, buscamos segurança. A questão é que hoje os scammers estão em busca de lucros – e visam, principalmente, o público fora dos Estados Unidos, segundo a pesquisa de 2010.

No caso de algumas palavras-chave, como “screensavers” (protetores de tela populares) e “descargar google” (baixar google), e algumas de suas páginas de resultados, o risco pode ser imenso, 75% ou mais dos resultados (três em cada quatro) podem aumentar o risco à segurança na Internet.

Isso não surpreende quem acompanha as tendências de segurança. Uma vez que os hackers em busca de fama foram substituídos pelos hackers em busca de lucro, essas pessoas mal intencionadas foram sofisticando cada vez mais sua habilidade de encontrar grandes grupos de vítimas em potencial. Ao medir o risco relativo de termos de busca populares, esse estudo confirma que os scammers continuam a visar grandes grupos de vítimas.

Mas esse estudo também encontrou interessantes evidências contrárias. Estudos anteriores da McAfee sobre segurança da internet demonstraram que cerca de 4% dos sites apresentavam risco. Essa é uma medida ampla do risco geral que enfrentamos ao utilizar a web. Em contrapartida, o nível de risco médio de todas as páginas de resultados que estudamos foi de apenas 1,7%.

As palavras mais perigosas em buscas em todo o mundo

  1. Screensavers (Protetores de tela)
  2. Free Games (Jogos grátis)
  3. Trabalho em casa
  4. Rihanna
  5. Webkinz
  6. Powerball
  7. iPhone
  8. Jonas Brothers
  9. Crepúsculo
  10. Barack Obama
  11. Taxes (Impostos)
  12. Viagra

A isca para os internautas distraídos são celebridades.

  1. Cameron Diaz
  2. Julia Roberts
  3. Jessica Biel
  4. Gisele Bündchen
  5. Brad Pitt
  6. Adriana Lima
  7. Jennifer Love Hewitt e Nicole Kidman
  8. Tom Cruise
  9. Heidi Klum e Penélope Cruz
  10. Anna Paquin

No Brasil, os termos de busca mais perigosos são segundo a empresa:

  1. Globo
  2. Juliana Paes
  3. Google Talk
  4. Google Toolbar
  5. Orkut
  6. Corinthians
  7. Palmeiras
  8. Tradutor
  9. MSN
  10. Músicas

Para ajudar o internauta, a empresa oferece o McAffee Site Advisor, sistema que informa a segurança do site visitado.

* foto: paul.klintworth em CC

gostaria de roubar o orkut de uma menina q vive enchendo meu saco gostaaria de saber como eu faço p conseguir chegar nesse objetivo??