Mais um Desktop 3D

O BumpTop é um conceito tecnológico novo para (des)organização de desktops. Utilizando a referência óbvia de uma mesa de trabalho, o novo sistema permite que tratemos os í­tens como “folhas de papel” ou revistas jogadas sobre a mesa, possí­veis de empilhamento, agrupamento, etc. No ví­deo abaixo podemos perceber o quão desorganizado pode ser um desktop. […]

O BumpTop é um conceito tecnológico novo para (des)organização de desktops. Utilizando a referência óbvia de uma mesa de trabalho, o novo sistema permite que tratemos os í­tens como “folhas de papel” ou revistas jogadas sobre a mesa, possí­veis de empilhamento, agrupamento, etc.

No ví­deo abaixo podemos perceber o quão desorganizado pode ser um desktop. O sistema, ao meu ver, pode ser muito interessante visualmente mas vai contra uma tendência nos SOs que é justamente não utilizar o desktop como opção de catálogo. Normalmente o que se tem é um repositório temporário de pequenos arquivos ou referências (atalhos) externos, principalmente quando se trabalha em máquinas com menores recursos ou telas pequenas. O BumpTo é fantástico para um futuro onde possamos ter telas de 29″ sensí­veis ao toque í  preço de banana.

Retirado do blog Ginga Agência Interativa.

UPDATE: O video foi errado. Estou alterando o timestamp para os leitores de feed acompanharem. Desculpem, mea culpa.

Não é exatamente “novo”, já vi um ví­deo no YouTube mostrando isso a um bom tempo atrás…

Não acho que vá ser aceito como padrão de uso, mas quem sabe um degrau a mais a um futuro padrão que ainda desconhecemos!

Manoel Netto disse:

Amigos, não se trata exatamente do hardware utilizado (poderia ser um monitor CRT e o cursor guiado pelo mouse mesmo) e sim da interface gráfica e toda a tecnologia por trás da coisa.
Realmente impressiona, mas lidar com isso diariamente ia ser um inferno.

Fill disse:

Concordo e discordo com o que o Assunção disse, as telas tem um preço alto, mas os monitores LCD tamvem tnham este preço, acho que com a alta dos smartfones este tipo de tecnologia pode, alem de se aprimorar, se popularizar 😉

Assunção Jr. disse:

Realmente é muito interessante, mas não aceitável aos padrões do mercado atual, onde o preço deste tipo de tela é carissí­mo e os usuários teriam que aprender novamente como usa-lo…