Tema: Social

Reuso e reciclagem da garrafa PET

Camiseta feita com garrafa PETAproximadamente em 1988 a garrafa descartável feita com polietileno tereftalato – ou PET, como conhecemos – surgiu como opção leve e barata para substituição das pesadas e de alta manutenção, garrafas de vidro. Infelizmente, não foi lançada em conjunto com as embalagens uma solução para o recolhimento e reutilização das mesmas, muito menos reciclagem.

O Brasil produz anualmente cerca de 3 bilhões de garrafas PET, um produto 100% reciclável, mas o volume de reciclagem atualmente beira os 50%. Isso significa na prática que pelo menos 1 bilhão e meio de plástico não-biodegradável é descartado no meio ambiente por ano, o que significa algumas centenas de anos para absorção na natureza. Continue lendo “Reuso e reciclagem da garrafa PET”

Tecnologia e responsabilidade sócio-ambiental

Um dos maiores obstáculos ao crescimento tecnológico, que atualmente tem sido pauta em diversas comunidades no mundo todo – não só entre os ambientalistas, como de costume – é reduzir a agressão ao meio ambiente e aos seres humanos. Por conta disso, tem-se criado leis e procedimentos para lidar com a tecnologia e seus resí­duos (principalmente), além de pesquisas para se tentar reduzir ao máximo esses impactos.

O uso de materiais tóxicos, poluentes e contaminantes na composição de produtos industrializados tem sido um dos fatores preocupantes dessas discussões. Há alguns anos, por exemplo, as operadoras de celular criaram postos de coleta para as baterias usadas nos aparelhos que seriam descartadas no lixo comum, contaminando o meio ambiente e prejudicando os seres vivos. Hoje com modernas técnicas de reciclagem existentes, é possí­vel reaproveitar muitos desses materiais, evitando seu descarte – mesmo que controlado. Continue lendo “Tecnologia e responsabilidade sócio-ambiental”

Inclusão digital sem educação digital

inclusão digitalDesde que comecei com blogs, tenho lido bastante coisa sobre inclusão digital, principalmente no que nós poderí­amos ajudar para que houvesse mais oportunidades. Depois que criei o Balela.INFO, um lugar onde prezo principalmente pela educação do leitor, tenho experimentado como é lidar com pessoas desinformadas (o que não é pecado) com atitudes autômatas (o que é péssimo).

Para citar um exemplo claro, no artigo onde desminto o recadastro de contas do Orkut, recebi um comentário dizendo mais ou menos o seguinte: Continue lendo “Inclusão digital sem educação digital”

Energia solar mais barata

Painel solar mais baratoDepois de uma conversa que tive com meu cunhado, geólogo e ambientalista, comecei a ter mais interesse em assuntos relacionados ao meio ambiente, pois identifiquei em mim um grande consumidor de recursos. Minha ferramenta de trabalho é o computador, além de ser o meio é o fim, pois os produtos gerados por mim necessitam dele para serem consumidos. Energia elétrica, silí­cio, plástico e tantos outros materiais envolvidos no meu trabalho são agressores ou consumidores de recursos naturais (ou ambos).

Fico feliz toda vez que encaro iniciativas como a do aquecedor movido a energia solar feito com materiais que seriam descartados. Projetos como esse possibilitam o acesso a energia limpa (não poluidora / geradora de resí­duos), que geralmente são caras, í  pessoas com menos recursos. Continue lendo “Energia solar mais barata”

Aquecedor de garrafa PET

Sr José Alano, aposentado, morador da cidade de Tubarão em Santa Catarina, desenvolveu um sistema de aquecimento de água inovador em vários sentidos. Além de utilizar materiais que seriam descartados na natureza, tem baixo custo, é autônomo, utiliza-se de energia limpa (solar) e foi patenteado de forma que não possa ser comercializado.

Tive a oportunidade de ver o sistema em funcionamento e posso afirmar que essa é uma iniciativa que vale a pena ser divulgada, espalhada e praticada aos quatro cantos. Conheça o aquecedor de garrafa PET.

Materiais envolvidos na montagem

O sistema utiliza garrafas “PET” de refrigerantes, embalagens “longa vida”, tubos de pvc e tinta preta. Esse é o material básico para se construir o sistema, que pode ser incrementado ou melhorado com modificações no projeto (como a utilização de canos de cobre, por exemplo), mas a idéia do projeto é possuir o menor custo possí­vel, para viabilizar o cunho social. Continue lendo “Aquecedor de garrafa PET”