Tema: Misc

Paperless. É preciso uma quebra de paradigma

paperless officeVivemos em uma cultura que beneficia e estimula a produção de papel e plástico. Muitos deles absolutamente desnecessários e pouco práticos, mas, por questão de cultura e comodismo, seguimos mantendo essa postura. Perceba como as tecnologias que produzem papel evoluem muito mais rápido e ficam baratas e acessí­veis ao público doméstico muito mais facilmente que tecnologias de reaproveitamento e digitalização.

Hoje estamos muito digitais. Produzimos música digital e compartilhamos na rede, armazenamos em nossos dispositivos móveis, distribuí­mos em formatos portáteis. Produzimos fotografia digital aos montes, compartilhamos, distribuí­mos da mesma forma. Criamos textos, arte, utilitários, completamente do zero, direto no digital. Mas repare, também gravamos CDs com essas músicas e arquivos, imprimimos textos e fotos, geramos cartões com os códigos, arquivamos. Fisicamente. Continue lendo “Paperless. É preciso uma quebra de paradigma”

Symantec lança a versão 2010 do Norton

Norton Antivirus e Internet Security 2010

Estive hoje na coletiva de lançamento dos pacotes Norton, da Symantec, organizada pela Edelman. Longe de ser uma coletiva tradicional, a Symantec realizou uma ambientação lúdica e educativa do mercado negro de segurança digital, o BLKMKT (Black Market).

Antes de apresentar seus produtos, os convidados passaram por uma visita guiada por um pequeno labirinto, construí­do com dois containers de metal. A primeira sala foi ambientada como um um pequeno mercado mesmo, com prateleiras e preços. Ao invés de frutas ou latas de goiabada, tí­nhamos identidades falsas, cartões de crédito, listas de e-mails para spam, softwares especí­ficos para ataques, coisas assim. Claro, nada de verdade, tudo brincadeira para deixar as informações passadas mais interessantes.

Eu pessoalmente, junto com mais uns tantos presentes, não ouvi nenhuma “novidade” nas informações do BLKMKT, mas a gente não conta, né? Pelo formato, as informações passadas e a própria experiência, eu cheguei a sugerir por e-mail que a Symantec fizesse algum programa com escolas. Além de super-educativo, tenho certeza que a molecada vai prestar atenção na “aula”. Continue lendo “Symantec lança a versão 2010 do Norton”

</2008> ou mkdir ../2009 | cd ../2009

Dois mil e oito foi-se. E com ele tudo o que nos prende ao passado, em um ano extremamente corrido e igualmente muito bom – pelo menos para mim. Não pude realizar tudo o que gostaria, mas acabei fazendo muito mais coisas que nem imaginava (talvez no subconsciente ou na camada que chamamos “destino”). Gostei muito de 2008 e tenho a impressão de que 2009 será ainda melhor.

Como uma forma de eu mesmo revisar, abaixo estão algumas coisas que estavam nos meus planos para o finado ano e outras que não estavam. Minhas realizações e não-realizações em 2008 e o que eu pretendo fazer para 2009.

Em 2008, eu NíƒO fiz:

  • Fazer a mudança para Londrina valer o esforço;
  • Ler 3 livros não-técnicos (tarefa difí­cil essa);
  • Arrumar um hobby que não tivesse relação com computadores;
  • Escrever com mais frequencia nos blogs que já mantinha;
  • Fazer um BlogCamp BR foda (não participei ativamente da organização, então, os méritos são todos da Lu Freitas e do Ricardo Cobra);
  • Comprar um carro (sequer tirei minha carteira de motorista);

Em 2008, eu FIZ:

  • Como Londrina não valeu a pena (profissionalmente falando), mudei pra São Paulo quase no meio do ano (e dentro de Sampa, já mudei de novo, pra um lugar melhor);
  • Junto com a mudança de cidade, veio a WebCo e o BlogBlogs, um dos meus maiores desafios profissionais, que estou adorando fazer parte;
  • Lancei, junto com toda a equipe de Jedis e Padawans, a versão nova do BlogBlogs, que será a base para grandes transformações em 2009 (aguardem);
  • Fiz vários novos amigos, contatos profissionais e aprendi muito com pessoas (e menos com máquinas), como havia planejado;
  • Criei um novo blog e fui convidado pelo Yahoo! para manter outro, como se os que eu já mantinha não fossem trabalho demais: Manual de Sobrevivência em São Paulo, para falar sobre minha nova cidade; Meu Blog no Yahoo! Tecnologia, para falar de segurança digital e muitos outros assuntos para quem tem pouca ou nenhuma experiência com computadores (e aqui vai mais uma realização: encontrei uma forma de contribuir com a sociedade);
  • Estou aprendendo a organizar melhor o meu tempo e otimizá-lo;
  • Me tornei um feliz usuário da Apple (feliz, não maní­aco), com um MacBook e um iPod Touch;
  • Participei de diversos eventos de tecnologia e mí­dia social, entre eles destaco: Digital Age 2.0, InterMinas, InterCon, Seminário de Midia Social INFO, SMX;

Resoluções para 2009:

  • Ler mais, ir mais ao cinema, fotografar mais, produzir e consumir mais cultura de uma forma geral;
  • Ver mais a famí­lia e os amigos;
  • Evoluir o BlogBlogs ao ní­vel que planejamos, tornando-o uma ferramenta ainda mais útil e poderosa aos blogueiros e leitores, e lançar os novos produtos (ahaaa pensaram que era só isso, hein?);
  • Viajar mais, conhecer novos lugares, culturas, vivenciar diferentes realidades;
  • Arrumar tempo para escrever mais, algo que gosto muito, principalmente em meus blogs;
  • Participar de mais eventos de Internet e contribuir mais na realização dos mesmos;
  • Tirar minha habilitação e comprar um carro;
  • Não descuidar da saúde, perder os quilinhos em excesso, quem sabe até fazer uma academia;
  • Levar a vida numa boa, me preocupando apenas com o que realmente importa e deixando as bobagens de lado;

É tanta coisa na cabeça que fica difí­cil enumerar (ficaria muito grande essa listagem), então vou ficar nessas mais genéricas e esperar que vocês contribuam com a listinha.

O que você planeja para 2009?

* Foto por Cobalt via Flickr

Layout 2009 para o Tecnocracia

Finalmente, depois de um ano fazendo diversos layouts e nunca implementando (tenho a péssima mania de achar que algo está ruim se fico mais de uma semana sem vê-lo), tomei vergonha na cara e dei um “tapa” no design deste blog (faltam os outros, coitados). Fica valendo como presente de aniversário, pois o Tecnocracia completa essa semana 2 anos de existência (êee, viva!).

Sem grandes mudanças, mas algumas melhorias significativas:

  • Mais bonito, limpo e fácil de ler;
  • Mais leve e rápido de carregar (poucas imagens, otimizadas);
  • Otimizado para resolução de 1024px ou superior (é, mudei de idéia);
  • Menos publicidade e mais organizada;
  • Adoção de super banner no topo, para possí­vel venda direta (interessado? entra em contato);
  • Sidebar em 250px, mais espaço para coisas bacanas;
  • Widget do BlogBlogs em novo layout exclusivo;
  • Nova famí­lia de í­cones adotada (Fuge, também free);
  • Menu no topo, separando o conteúdo em canais / categorias;
  • Apenas 3 sistemas de Social Bookmarking (BlogBlogs, Ueba e diHitt);

Claro que não está perfeito, tem seus probleminhas que aos poucos eu vou resolvendo (se valerem o trabalho). No IE6, por exemplo, está cheio de pequenas zicas, provocadas pelo péssimo suporte a PNG transparente desse arremedo de navegador. Usei um truquezinho para corrigir o suporte, mas ele zica outras coisas, como as margens dos elementos. Resumindo, não use essa porcaria de IE6 para navegar – ou não reclame ;-).

Se vocês notarem coisas MUITO graves no IE (como a sidebar sumir, por exemplo) e quiserem me avisar, eu agradeço. Já para os navegadores de verdade, eu agradeço qualquer dica de detalhes, como alinhamentos e tamanho de elementos.

Obrigado a todos vocês, leitores desse blog, amigos, parceiros, crí­ticos, todo mundo. Se não fossem vocês, isso não teria razão de existir. E que venha 2009! 😉

Capí­tulo de “Conectado”, livro do Juliano Spyer, disponí­vel para download gratuito

Capa do livro de Juliano SpyerEm um claro exemplo de que a informação não é rival, Juliano Spyer, autor do livro Conectado e meu amigo pessoal, nos dá a feliz novidade de que disponibilizou um dos seus capí­tulos preferidos para download gratuito.

O capí­tulo é intitulado “Impactos da rede na mí­dia” e é feito para os profissionais de comunicação que aprenderam a trabalhar usando broadcasting e agora estão tendo que reaprender tudo por conta da Internet.

Conectado – O que a internet fez com você e o que você pode fazer com ela, pode ser comprado via Internet e garanto que você não vai se arrepender. Leia o capí­tulo 16 e tire suas próprias conclusões.