Novo iPhone e o futuro da integração

Agora que acabou a novela da CicaTube, podemos voltar tranquilamente aos assuntos que realmente fazem alguma diferença (em tempo: continuem com os protestos). Apple lança o iPhone Finalmente, após muitos rumores espalhados na Internet, a Apple anunciou o lançamento do seu produto que mistura iPod, Internet, Wi-Fi, handheld e telefone celular: o iPhone. Com isso […]

iPhoneAgora que acabou a novela da CicaTube, podemos voltar tranquilamente aos assuntos que realmente fazem alguma diferença (em tempo: continuem com os protestos).

Apple lança o iPhone

Finalmente, após muitos rumores espalhados na Internet, a Apple anunciou o lançamento do seu produto que mistura iPod, Internet, Wi-Fi, handheld e telefone celular: o iPhone.

Com isso a Apple sai na frente mais uma vez e cria um novo hype. Quem não quer ser um feliz possuidor do novo gadget? Ainda mais rodando MacOS X, integrando vários equipamentos em um só, acessando a internet sem fio, sendo pequeno, bonito e praticamente sem botões!

A nova tecnologia multi-touch permite que a tela seja a interface de entrada e saí­da do bichinho, com múltiplos pontos de controle por toque. O zoom, por exemplo, é feito ao tocar na tela com dois dedos ao mesmo tempo. Além disso, sensores identificam o posicionamento do equipamento (vertical ou horizontal) e automaticamente mudam a orientação da tela, entre outras caracterí­sticas interessantes.

Claro que nós, brasileiros, não vamos pôr os olhos tão cedo no iPhone. Ele só será comercializado í  partir de Junho de 2007 por cerca de 500 dólares, mas só nos EUA e para assinantes da Cingular, uma operadora de celular, mediante contrato de 2 anos. Isso até o momento, podendo mudar a qualquer hora (quando alguém lançar o próximo hype).

Novo chip promete trocar cartão de crédito por celular

Seguindo paralelo í  tendência de integração, parece que alguém está procurando alternativas para cumprir as promessas antigas do Wap no pagamento de contas. A VISA lançou um sistema baseado em chips Near Field Communication (NFC) – aqueles dos cartões de vale-transporte que basta aproximar do leitor para ser identificado – para serem embutidos em celulares e utilizados nas maquinetas especí­ficas.

Na teoria o celular estará sendo usado como forma de pagamento, mas na prática é apenas um chip, que poderia muito bem estar embutido em um cartão, chaveiro, anel ou até mesmo sob a pele. Ou seja, até o momento ainda não é a utilização da tecnologia dos celulares para o pagamento de contas.

O lançamento de um celular como o iPhone, torna ainda mais tangí­vel futuras tecnologias que efetivamente permitam essa integração. Num mesmo equipamento teremos wi-fi, bluetooth, capacidade de armazenamento com criptografia, segurança e portabilidade, que nos permitiria por aproximação ou remotamente (internet ou gprs) efetuar transações financeiras seguras. Presencialmente ou não.

Leia mais:

Mateus Braga disse:

Vc tem razão, mas acho difí­cil alguma mudança no curto prazo no que se refere a brigações fiscais, que possam alterar de maneira significativa o preço final do produto, que já deu até capa da Veja.
Abraço

Manoel Netto disse:

Mateus,

Pelo que li o iPhone é compatí­vel com GSM. Só nisso já temos pelo menos umas 3 ou 4 operadoras disponí­veis em cada estado (aqui na Bahia são 3 e mais a Vivo que está vindo).
Torço que a barreira fiscal, que é a pior ao meu ver, seja rompida em pouco tempo, para que possamos ter o acesso a esse equipamento sem precisar vender o computador 😉

Obrigado pelos elogios.
Abraço e Volte sempre.

Mateus Braga disse:

Pois é, até passar o hype, com certeza teremos o preço alto que a maioria dos produtos da Apple tem. Mas depois que passa, abaixam o preço e a gente pode até concorrer em promoções, como o caso do Macbook, que era vendido por cerca de R$10000 e agora tem uma promoção do Cornetto (www.cornetto.com.br) dando um novinho pro vencedor.
Mas no Brasil, realmente teremos além do preço, a barreira da tecnologia disponí­vel para celulares, que não é tão avançada como nos EUA e Europa.
Abraço e parabéns pelo blog