4 dicas para a sua segurança online

Uma pesquisa da Opiniões de Valor, feita no fim de 2009 para a VeriSign revelou que 73% dos internautas brasileiros não são capazes de identificar as formas de phishing.

Uma pesquisa da Opiniões de Valor, feita no fim de 2009 para a VeriSign revelou que 73% dos internautas brasileiros não são capazes de identificar as formas de phishing. No Brasil as principais questões, por ordem de importância:

  • Erros ortográficos – 73% enganados.
  • Inexistência do símbolo do cadeado na barra de endereço do navegador – 54% enganados
  • Solicitação de informações adicionais sobre conta – 36% enganados
  • URL contendo um nome de domínio numérico e não-específico – 33% enganados

Para saber se um site é genuíno ou não, e se ele protege seus dados pessoais, preste atenção nestes itens:

Barra de HTTPS no Firefox

Barra de HTTPS no Firefox

1. https:// o “s” no https:// significa que o site é criptografado, portanto as informações inseridas no site estão seguras. Apesar de alguns sites de phishing possuírem um endereço de Web seguro, muitos não têm. Portanto, os visitantes do site devem estar atentos para a falta de segurança em sites que deveriam tê-la. A Webjet, por exemplo, não tem área de compras fechada, mas não é um site de phishing (embora exponha os dados de seus clientes na internet).

Cadeado de segurança no Internet Explorer

Cadeado de segurança no Internet Explorer

2. O ícone do cadeado: para ser verdadeiro, este ícone deve aparecer no navegador e não dentro do conteúdo da própria página.

3. Marcas de confiança: pistas visuais simples sob a forma de logotipos populares podem mostrar que um site é autenticado e seguro e que a empresa é respeitável.

4. Verifique o endereço: suspeite de qualquer site com um domínio desconhecido e que contenha o nome de um site conhecido na última parte do seu endereço Web.

Barra de HTTPS no Firefox

Barra de HTTPS no Firefox

5. Barra de endereços verde: isso significa que este site tem autenticação, de modo que você pode ter certeza que é o site que afirma ser.

Comentários sobre "4 dicas para a sua segurança online"